Revistas:




Saiba em que ocasiões sexo e álcool combinam

Publicado por Carina Malfa em 05/03/2015 às 19h00

Ingerir bebidas alcoólicas pode trazer pontos positivos e negativos na hora do sexo. Saiba em que tipos de ocasiões a combinação dos dois pode ser boa ou ruim!

Texto Revista 7 Dias - Adaptação Carina Malfa | Foto Reprodução

Saiba em que ocasiões sexo e alcool combinam

Ingerir bebidas alcoólicas pode trazer pontos positivos e negativos na hora do sexo. Porém, é preciso analisar as situações em que você pode se "enfiar" misturando os dois. Saiba em que tipos de ocasiões a combinação dos dois pode ser boa ou ruim!

Depois de tomar alguns drinks, a timidez tira folga, diminuindo a tensão e fazendo com que você se sinta mais confiante e sensual. Além disso, o álcool ajuda a aumentar a libido e pode proporcionar sensações e orgasmos inesquecíveis. E é exatamente em busca desse efeito “desinibidor” que muitas pessoas bebem antes do rala-e-rola.

O consumo exagerado do álcool é capaz de arruinar a noite, já que age diretamente no sistema nervoso, dificulta a comunicação entre os neurônios e altera a função cerebral e as manifestações comportamentais.

“O álcool não provoca mudanças na identidade e na preferência sexual,porém, compromete a percepção”, explica o ginecologista e obstetra José Bento (SP).

DICA: O ideal é ingerir cerca de duas ou três doses de álcool antes da transa. Dessa forma, ele pode ser um grande aliado, ajudando a aumentar a libido e proporcionando sensações e orgasmos inesquecíveis na hora H.

Dose certa - Não é só na cama que o uso exagerado do álcool pode ser prejudicial. “Em doses altas ou com o uso frequente e contínuo,ele gera dependência e prejudica o desempenho durante o ato sexual, enfraquece o organismo como um todo, reduz a coordenação motora, a sensibilidade, os reflexos e, no caso dos homens, dificulta ou suspende a ereção e/ou a ejaculação”, esclarece Denise Gomes, ginecologista e diretora médica da Plena Clínica (SP).

Outro dado importante: as chances de o casal fazer sexo sem camisinha quando se está sob o efeito do álcool – e, dessa forma, se expor a doenças sexualmente recentes. Ou seja, é uma grande furada essa de não se lembrar da noite de amor logo no dia seguinte, não é mesmo? Por isso, para desfrutar do álcool e do sexo sem ter problemas, é essencial saber beber conscientemente, sem exagerar. “Normalmente, a quantidade necessária para alterar a consciência varia de acordo com a resistência e o metabolismo de cada um. Mas, o ideal é que o consumo não ultrapasse duas ou três doses”, indica o obstetra e ginecologista José Bento. Ou seja, é possível degustar um bom drink e ainda transar sem medo de esquecer ou “pagar mico”.

TESTE: COMO VOCÊ É NA HORA DO SEXO?

 

 

 

 

 

 

 

 


Leia Também
5 situações que prejudicam o orgasmo do homem
Dia do Orgasmo: Produtos para fazer você chegar lá
Como dizer que não está afim de sexo?
Comente!


Mais Lidas