Revistas:




Descubra o que faz um homem broxar

Publicado por Bárbara Conti de Oliveira em 08/11/2013 às 20h00

O fato de o cara “não comparecer” na hora H pode ocorrer por diversos motivos e, na maioria das vezes, não tem nada a ver com você. Descubra por que isso acontece e aprenda a lidar com essa situação literalmente broxante

 

Revista 7 dias, edição 536 / Foto: Reprodução / Adaptação: Bárbara Conti

Seu título aqui

Apesar de a maioria dos homens (e muitas mulheres!) acharem que macho mesmo é aquele cara que nunca broxa, esse transtorno é bastante comum quando o assunto é sexo e pode acontecer com qualquer um.

Afinal, ereção é muito mais do que vontade de transar, já que envolve uma série de fatores emocionais e físicos. Para o urologista do Hospital São Luiz, Luiz Guidoni (SP), até os 45 anos, a principal origem do problema é psicológica.

“Antes mesmo do ato sexual, eles ficam receosos com a possibilidade de falhar. Na prática, o nervosismo faz com que os vasos sanguíneos se contraiam, diminuindo o fluxo de sangue, e consequentemente, comprometendo a ereção”, explica. Além disso, grande parte das mulheres não está preparada para esse tipo de falha sexual e acaba condenando o parceiro por isso.

“Nunca veremos um filme em que o mocinho da história broxa. A sociedade alimenta uma imagem fantasiosa do sujeito perfeito, no entanto, é preciso ter a consciência de que esse cara não existe”, garante o urologista e membro da sociedade brasileira de Urologia, Francisco Coutinho (SP). Nesse sentido, algumas atitudes femininas podem tornar esse momento tão delicado ainda mais constrangedor. Portanto, fique atenta às dicas a seguir para não vacilar com o gato.

Não se culpe
Entenda de uma vez por todas: se ele falha na hora do rala-e-rola, a culpa não é sua – nem do seu corpo, nem do seu cabelo... Se o cara estiver muito cansado ou bêbado, há grandes chances de ele broxar, independentemente do esforço que você faça.

Sem comparações
Todo mundo tem um passado e este não é o melhor momento para resolver desenterrálo. Portanto, nada de ficar comparando o bonitão com outras pessoas. Frases como “nunca broxaram comigo antes” são terminantemente proibidas, afinal, não é dessa forma que você pretende elevar a autoestima do parceiro para recomeçar as brincadeiras mais tarde, certo?

O que fazer, então?
Nessas horas, a intimidade é determinante para que vocês consigam passar por essa situação. “Abra uma cerveja ou convide-o para um banho a dois. Se for um cara mais confiante, meia hora pode ser o suficiente para ele estar pronto para uma
nova tentativa”, diz Guidoni. Outra dica é esperar alguns minutos e voltar às preliminares. Capriche no sexo oral e na masturbação. “Durante o ato, abuse da sensualidade e provoque-o com lambidinhas e mordidas”, ensina Francisco. Mas não force a barra! Se perceber que "ele" não levanta de jeito nenhum, desencane. Caso contrário, além de o cara se sentir pressionado, você também ficará mal por não conseguir o que queria.

Não faça barraco
Outra atitude bastante comum é ficar brava e reclamar. Saiba que, agindo dessa maneira, você estará dando adeus a qualquer possibilidade de o “menino” ficar “em pé” novamente, além de trazer à tona um climão desnecessário.

Leia Também
Transar durante a menstruação: Tem problema?
Descubra o que faz um homem broxar
Saiba como identificar as doenças ginecológicas mai...
Comente!


Mais Lidas