Revistas:




Dicas para cuidar e evitar micoses na pele e unhas

Publicado por Carina Malfa em 21/10/2014 às 21h30

A época mais quente do ano requer alguns cuidados com o corpo. Para se dar bem no verão confira algumas dicas para cuidar e evitar as micoses na pele e unhas!

Texto Carina Malfa | Foto Reprodução

 Dicas para cuidar e evitar micoses na pele e unhas

A época mais quente do ano requer alguns cuidados com o corpo. Sabemos que as micoses são fáceis de aparecer e várias dúvidas acabam surgindo sobre o assunto. Para se dar bem no verão confira nossa entrevista com a doutora dermatologista com especialização em Medicina Estética, Daniela Landim, e veja algumas dicas para cuidar e evitar as micoses na pele e unhas!

Oficina da Moda - Qual época do ano é mais propicia para que as micoses apareçam?
Daniela Landim- Micoses são infecções causadas por fungos que, em geral, atingem áreas mais úmidas e ricas em queratina, como couro cabeludo, entre os dedos e virilha. No calor, pelo suor e exposição aos agentes do meio ambiente, é mais propício aparecer micoses.

OM- O que são as micoses nas unhas?
DL- Denominadas onicomicose subungueal distal e lateral, as micoses ocorrem nas unhas das mãos, porém é mais comum nas unhas dos pés. É caracterizada pelo descolamento da borda livre dos cantos da unha, deixando a área oca com formação de massa amarelada embaixo da unha, com posterior descolamento.

OM- 
O que são as micoses na pele?
DL- As micoses na pele são lesões arrendondadas, avermelhadas ou esbranquiçadas, em geral, apresenta coceira no local, vermelhidão e descamação.

OM- 
Quais são as micoses mais comuns?  
DL- Há alguns tipos comuns de micoses, como:
A onicomicose ou micose da unha - uma minúscula mancha branca no canto da unha;
A Tinea pedis ou frieira ou Pé-de-atleta aparece entre os dedos dos pés, os fungos provocam coceira e deixam a pele esbranquiçada;
A Pitiríase Versicolor – as micoses de Praia e Piscina apresentam manchas claras, castanhas ou avermelhadas que, normalmente, aparece na região das costas;
A Tinea corporis – é a micose do Corpo com lesões, são escamosas, circulares e têm bordas elevadas, normalmente estão presentes entre as dobras dos braços, joelhos e axilas;
A Tinea cruris – a micose da Virilha é mais comum em homens, são manchas avermelhadas, úmidas e descamativas, geralmente acompanhada de muita coceira, atingindo a região da virilha, podendo se alastrar até as nádegas e abdômen. 

OM- Como essas micoses são causadas?
DL- De maneira geral, as áreas do corpo que produzem e acumulam mais suor ficam mais vulneráveis às infecções, pois esses ambientes aquecidos e úmidos favorecem à proliferação por fungos.

OM- Como evitar micoses nas unhas?
DL- Pessoas que passam muito tempo em contato com a água, lavando pratos, limpando a casa, adultos maiores de 60 anos que sofrem de diabetes, problemas circulatórios ou com o sistema imunológico debilitado devem ter cuidado redobrado para evitar micose na unha. As recomendações são: não usar calçado muito apertado nem de materiais sintéticos; não andar descalço em lugares públicos, como banheiros de academias, vestiários, duchas ou piscinas; e não utilizar o cortador ou alicate de unhas de outras pessoas, como em um salão de beleza.

OM- Como evitar micoses na pele?
DL- Para evitar as micoses de pele, é importante manter a pele limpa e devidamente seca, evitando sapatos fechados e roupas muito quentes e apertadas em dias de muito calor.

OM- É possível recuperar unhas com micose?
DL- Sim, o tratamento feito topicamente com aplicação de antimicóticos. Os pés devem ser mantidos secos, serem bem enxutos após o banho. Caso a região sue muito, é recomendado usar meias de algodão, deixar os pés arejando sempre que possível, bem como os sapatos. Quando for à manicure, procure levar seu próprio material. 

OM- Dicas caseiras para acabar com micoses na unha e na pele?
DL- O tratamento das micoses deve ser avaliado pelo dermatologista. Este tratamento pode ser exclusivamente tópico ou associado à ingestão de medicamentos antifungicos. Não se deve perder tempo em usar receitas caseiras para combater micoses.O importante é a prevenção: manutenção da higiene pessoal, com a limpeza adequada do corpo e secar bem após o banho, principalmente nas áreas de dobras, como região entre os dedos de mãos e pés, virilhas, axilas e região abaixo das mamas.

TESTE: VOCÊ CUIDA BEM DA SUA SAÚDE? 


Leia Também
Benefícios da água de coco para saúde
3 Dicas para controlar a ansiedade
12 dicas para prevenir o mau hálito
Comente!


Mais Lidas